Você não está procurando Mesas, está procurando Pessoas!

11 jan 2019
space
249
1

“Evoluímos nossas ferramentas mas não evoluímos os nossos propósitos”

(Will Durant)

 

Hey amigo!

Depois de alguns anos trabalhando na gestão de espaços compartilhados e comunidades, percebemos o real valor dessas relações, tanto para a vida pessoal quanto para os negócios, das conexões que são geradas em ambientes desse tipo.

Assim, no texto de hoje resolvemos compartilhar  um comportamento que, por vezes, pode atrapalhar o contato com esse real valor.

Para isso analisamos três pontos importantes:

PESSOAS

Imagine rapidamente um grupo de pessoas que tem um objetivo em comum e que busca se conectar com o propósito de crescer em conjunto, de ser ajudado e de ajudar, de estar aberto para receber conselhos ricos e de doá-los tanto quanto.

Agora, imagine que essas pessoas são especialistas no que fazem, e não estou falando em diplomas e doutorados – embora isso também seja uma verdade – mas em conhecimento prático, vivido, pessoas que amam o que fazem ou o que estão tentando fazer.

Deu pra ter uma ideia da energia que pode ser criada em um ambiente assim?

No tamanho do impacto positivo na Vida e nos Negócios dessas pessoas, ou no seu!?

>> Se sim, comenta lá embaixo pra gente poder bater um papo depois, gostaria de saber sua opinião sobre isso 😉

 

MESAS E CADEIRAS

Pois bem, o problema é que nesses mesmos anos dedicados aos ambientes compartilhados, também reparei que muitas pessoas buscam algo grandioso, querem essa experiência mágica, mas se prendem ao que tem menor valor agregado e não às pessoas. Gosto bastante de uma frase do livro “12 Lições da História para entender o mundo” que diz:

“Evoluímos nossas ferramentas, mas não evoluímos nossos propósitos”

Por vezes, a mesa ou a cadeira que estava ali no ambiente era fator decisivo para dizer “gostei daqui!”!

Mas depois de algum tempo você chega a conclusão de que a mesa não se comunica com você, ela não te faz rir, ela não aceita um conselho, ela não te ouve quando você precisa e também não topa entrar em uma aventura de um novo negócio com você.

A mesa e a cadeira não vão te puxar pra cima – a cadeira talvez, mas não do jeito que você espera  rs – você não será provocado por elas para ser uma pessoa melhor ou mudar um pouco o seu negócio para que ele cresça!

A mesa e a cadeira não vão tomar uma cerveja com você, nem café, nem suco.

Elas também não vão entrar na piscina com você, elas não vão se tornar um novo possível Amigo pra Vida Toda!

Sim! É muito importante uma boa mesa e uma boa cadeira para executar o seu trabalho, mas precisamos tomar cuidado para não deixar que coisas assim sejam determinantes, ou desviem o nosso foco do que realmente importa.

Aliás, se você se interessa por esse tema, dê uma olhada nesse texto sobre a Síndrome do Impostor e saiba mais sobre outros meios que podem nos atrapalhar no foco.

 

RELACIONAMENTO

Você precisa se relacionar

Para ter sucesso – entenda sucesso aqui como alegria em fazer o que faz, em viver a vida, em tocar o seu negócio – tanto na vida pessoal como profissional, você precisa estar constantemente se relacionando, falando com pessoas diferentes, ou reunindo aquelas que você já não fala há um bom tempo, e olha que pra isso o ideal é nem estar sentado em uma mesa, vai em pé mesmo!

Participar de eventos, trabalhar em um espaço compartilhado e colaborativo com pessoas fodas e com propósito alinhado com o seu, se provocar a fazer coisas diferentes de vez em quando para quebrar a rotina, buscar conhecimento, compartilhar conhecimento.

Tudo isso, com certeza, vai te impulsionar e provocar mudanças em você, trazer novos pontos de vista e ampliar a sua visão para a vida e para os negócios.

Ah, algo muito importante! Se permita confiar no seu feeling sobre as pessoas e, confiando nesse sentimento, se permita confiar nas pessoas.

Isso abre portas para um mundo de possibilidades para a sua vida \o/

E aí, bora olhar para o que realmente importa?

Se você quiser, sinta-se a vontade pra começar aqui no SPACE, eu garanto que aqui tem muita gente boa e aberta a ajudar e a ser ajudado. E depois recomendo também conhecer outros espaços, afinal de contas, você precisa encontrar a sua tribo!

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *