Como as mulheres fortalecem o ecossistema empreendedor no Brasil

21 nov 2018
space
36
0

 

O empreendedorismo feminino no Brasil tem crescido e ganhado espaço e visibilidade a cada ano.

No post de hoje vamos falar um pouquinho sobre esse assunto tão importante e como as mulheres podem fortalecer o ecossistema empreendedor brasileiro.

Você também vai conhecer um pouco de uma iniciativa nascida aqui no SPACE Coworking, o SPACE GIRLS, que já impactou diretamente cerca de 80 mulheres em 6 edições do evento, fortalecendo seus negócios e impulsionando suas ideias!

Empreendedorismo Feminino no Brasil: O que os números nos dizem ?

O empreendedorismo feminino tem crescido e ganhado espaço e visibilidade a cada ano no Brasil e no mundo. No último relatório do GEM (Global Entrepeneurship Monitor) publicado no Brasil em 2017 pelo Sebrae , o número de mulheres e homens empreendedores no Brasil é bastante semelhante, sendo um pouco maior para os homens do que as mulheres.

As mulheres empreendedoras brasileiras superam os homens em quase 1% na abertura de negócios (19,9% para 20,7% para os homens)

O que chama a atenção nos dados da pesquisa de 2017 é que, apesar de as mulheres estarem em maior número na abertura de negócios, essa taxa diminui no de negócios já estabelecidos.

Os homens superam as mulheres em 4% na longevidade de seus negócios, uma diferença de 2,6 milhões.

Uma das razões para explicar essa diferença é a falta de ambiente favorável para o crescimento dos empreendimentos femininos. As mulheres enfrentam maior resistência para estabelecer seus negócios pois, o apoio financeiro e a oferta de crédito menor, o que acaba sendo uma barreira para que seus negócios cresçam e se estabeleçam.

Muitos dos desafios encontrados pelas mulheres empreendedoras não só no Brasil, como no mundo, tem suas origens na cultura e história.

Historicamente, desde a Grécia Antiga, as mulheres foram incentivadas a atividades dentro do lar, como o cuidado com as crianças, as tarefas domésticas, restritas ao ambiente privado, enquanto que o homem sempre participou do ambiente público e se encarregou da administração financeira e política.

Assim, as mulheres não tiveram, historicamente, acesso à educação financeira e empreendedora, o que atrasou a sua inserção no mercado de trabalho e no empreendedorismo de uma forma geral.

Quem são essas mulheres? Em que área elas atuam?

Outra particularidade das mulheres empreendedoras brasileiras é que ao escolher empreender, elas, em sua grande maioria, optam por empreendimentos nos setores de serviço, principalmente em áreas consideradas uma extensão do lar. Há muitos negócios liderados por mulheres no setor alimentício, de beleza e de assistência, tanto de crianças quanto idosos.

Uma outra característica importante do empreendedorismo feminino brasileiro, é que quando uma mulher decide empreender, a motivação para suas ações é a sobrevivência e sustento da família e não por realização pessoal.

Isso não quer dizer, necessariamente, que as mulheres que decidem empreender só empreendem porque precisam e não porque desejam iniciar seus próprios negócios, porém isso pode indicar que ao escolher em que áreas querem atuar, essas mulheres recorrem a atividades com as quais acreditam ter maior chance de resultado financeiro imediato, com pouca exigência de profissionalização, de acesso mais rápido e com menos barreiras sociais ou econômicas.

Por que devemos fortalecer o empreendedorismo feminino (?)

O empreendedorismo feminino é um caminho fundamental para fortalecer o ecossistema empreendedor brasileiro, proporcionando diminuição da desigualdade de gênero, movimentando a economia e incentivando a independência da mulher.

A mulher empreendedora gera empregos, aquece a economia, traz diversidade à empresas e dinamiza o mercado de trabalho.

Através do empreendedorismo, criamos oportunidades de crescimento e empoderamento de mulheres, que contribuirão ativamente para a geração de renda e emprego, não somente para mulheres mas para todos na sociedade e no ecossistema.

A importância de um espaço de trabalho igualitário

Um ambiente de trabalho que incentive novos negócios de forma igualitária é essencial para que novas ideias, parcerias e empreendimentos cresçam, tomem forma e se estabeleçam.

Para que as barreiras possam ser superadas pelas mulheres empreendedoras mais facilmente, é preciso que tanto homens quanto mulheres contribuam para criar esse espaço, para que ambos possam crescer profissionalmente, se beneficiando mutuamente do compartilhamento de ideias, conhecimento e contatos.

O SPACE Coworking é um desses espaços igualitários.

Os gestores fomentam uma política de igualdade entre os residentes e acreditam na força da comunidade e da diversidade para impulsionar inovação, empreendimentos, parcerias e negócios.

Foram essas condições que permitiram que o SPACE Girls surgisse.

Não sabe o que é Coworking? Dá uma olhada aqui : O que é coworking e como ele pode te ajudar a alavancar o seu novo negócio. Nesse post você pode esclarecer suas dúvidas sobre como é um espaço de trabalho compartilhado e até agendar um dia de teste para vivenciar essa nova forma de trabalhar e fazer negócios

 

SPACE Girls – Uma iniciativa local para fortalecer o empreendedorismo feminino

O SPACE Girls é um evento idealizado pelas empreendedoras Beatriz Leite e Thaís Fiori que, ao participarem de diversos eventos corporativos e voltados ao empreendedorismo notaram que poucas (ou nenhuma das) mulheres eram protagonistas.

Elas decidiram confrontar essa normatividade dentro do ecossistema e fomentar o espírito empreendedor em moças, meninas e mulheres por meio de histórias inspiradoras e reais, além de ferramentas que fortalecessem suas ideias e impulsionassem suas ações!

O evento possui um clima descontraído além de contar com cerveja e snacks para dar suporte e fortalecer os contatos entre todas as participantes. Com pouco mais de um ano de atividade, o SPACE Girls já impactou diretamente mais de 80 mulheres de diversas origens, interesses, setores e negócios.

Nas suas 6 edições, já participaram mulheres empreendedoras nos setores da saúde, alimentação, eventos, tecnologia, profissionais liberais dentre muitas outras.

Segundo o formulário da última edição, 91% das mulheres que participam do evento se sentem inspiradas a abrir seu próprio negócio e, as que já empreendem se sentem ainda mais motivadas a continuar. Na mesma pesquisa, 100% das mulheres disseram que indicariam o evento à uma amiga!

O evento acontece há cada 30 dias e conta sempre com cerveja e snacks, proporcionando um momento de networking mais leve e espontâneo. As fundadoras acreditam no poder da sororidade para fortalecer negócios e criar uma rede de apoio e contatos.

Quer  participar da próxima edição do SPACE Girls?

Inscreva seu e-mail aqui para receber a agenda 2019 e

acompanhe a agenda do SPACE Coworking clicando aqui.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *